Diabéticos podem consumir chocolate?

A questão do controle diário da glicemia (taxa de glicose sanguínea) no diabético é sempre uma questão muito importante, principalmente para evitar problemas mais sérios. Muitos alimentos são evitados e até deixados de lado, mas o mais importante é sempre ter o controle de tudo que é ingerido, não excluindo alimentos importantes da dieta, mas diminuindo o seu consumo. Nesse contexto, o chocolate apresenta-se como um vilão para o diabético, principalmente pela questão se ele pode ou não consumir chocolate.

Chocolate é algo difícil de se resistir em todas as idades
Chocolate é algo difícil de se resistir em todas as idades

O chocolate é, quase sempre, uma tentação. É muito difícil segurar a vontade de comer chocolate, seja em épocas próximas à Páscoa ou até nos tempos normais. No entanto, é importante saber que o chocolate possui componentes como gorduras e carboidratos em quantidades consideráveis, o que pode levar a problemas alimentares em uma dieta não equilibrada. Por isso, é necessário ingerir pequenas quantidades de chocolate, principalmente aqueles que tiverem pequenas quantidades de cacau, como o chocolate branco.

Chocolate diet pode ser eficiente pela menor concentração de açúcar
Chocolate diet pode ser eficiente pela menor concentração de açúcar

No caso de pessoas com diabetes, esse controle deve ser ainda mais restrito, visto que o controle da glicemia deve ser muito bem respeitado. A quantidade de chocolate que deve ser ingerida não deve passar dos 30g ou três tabletes e, além disso, deve estar interligada a outras refeições, diminuindo o consumo de arroz, ou até do pão. O controle é sério e deve estar até no tipo de chocolate escolhido, já que os chocolates do tipo diet devem ser os mais alcançados por aqueles que tem esse problema. Além disso, o chocolate do tipo amargo, que possui maior teor de cacau, também pode ser muito benéfico aos diabéticos.

O consumo de chocolate com frutas também é uma alternativa viável
O consumo de chocolate com frutas também é uma alternativa viável

Outra alternativa para aqueles que possuem problemas no controle da glicemia é o consumo de chocolate juntamente com as fibras, as quais estão presentes em alimentos como as frutas e possuem carboidratos complexos. As fibras possibilitam que os alimentos não sejam absorvidos de maneira tão imediata, o que permite que a hiperglicemia não ocorra. Logo, derreter o chocolate e consumi-lo juntamente com pedaços de maça, damasco e morango pode ser uma alternativa a diminuir os efeitos danosos para os diabéticos. Mas lembre-se: as frutas possuem seu próprio açúcar, a frutose, então, é sempre bom ter moderação.

Com um bom cuidado, o chocolate pode ser ingerido de forma a não causar problemas
Com um bom cuidado, o chocolate pode ser ingerido de forma a não causar problemas

O fato de ser diabético não impede que se possa ter uma dieta com o chocolate, mas é importante que estabeleça-se um controle maior do que normalmente. Dessa forma, aproveitar as delícias da Páscoa e das outras épocas do ano com o chocolate pode ser algo possível, mas sempre com os cuidados necessários. Lembrar sempre do chocolate com maior teor de cacau, que até ajuda os diabéticos na prevenção contra a doença, mas sempre com um limite de 30g. Manter uma dieta equilibrada e com a dádiva do cacau é, sim, possível, bastando somente um pouco de cuidado e controle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *